Virgilio Neves.jpg

TRABALHOS

Série "Lá fora, aqui dentro" Virgilio Neves

Texto conceitual da série

Sempre trabalhei com desenho e pintura. Em 2015 comecei a usar as linhas e as cores para obter campos visuais em estado de suspensão e volatilidade. Algo que chamei de "Volatilismos" e que se consolidou na minha segunda mostra individual em 2016. Mesmo sendo uma pesquisa voltada para aspectos formais, em 2020 percebi que eu também poderia estendê-la para universos conceituais. Foi então que produzi algumas pinturas sobre papel tentando subtrair do meu processo criativo algo que até então eu não havia experimentado: o tempo. Determinei que cada trabalho deveria ser concluído dentro de um pequeno período e com um minimalismo cromático – basicamente pretos, brancos, sépias e cinzas. Assim poderia captar melhor a essência dos gestos, dos traços e das linhas que normalmente acompanham minha poética. Ao final, cada obra tornou-se uma espécie de registro metafórico dessa subtração do tempo e da minha disputa com o relógio. Um registro que ficou marcado também no título de cada um desses trabalhos.

Ficha técnica das obras

Autor: Virgilio Neves
Técnica: Acrílica e fita adesiva 3M sobre Papel MultíMidia Canson 300g Dimensões: 29,7x42 cm
Ano:2020

Autor: Virgilio Neves

MINI BIO
Virgilio Neves é formado pela Escola de Comunicações e Artes da USP. Tornou-se especialista em História da Arte pela FAAP em 2010 e concluiu seu mestrado em Teoria da Arte na UNESP em 2019. Possui ampla experiência na produção e no estudo das imagens. Foi diretor de arte por muitos anos e desde 1999 se dedica também à sua pesquisa em artes visuais, com foco no desenho e na pintura. Participou de diversas mostras individuais e coletivas no Brasil e de projetos em Londres e em Innsbruck, na Áustria. Atualmente tem desenvolvido uma extensão de sua pesquisa em torno da volatilidade das formas usando carimbos de block printing como ferramenta, tanto sobre papel quanto tela. Algumas dessas obras fizeram parte da Mostra Individual "Unmatrix", sua terceira individual, na Smith Galeria (Auckland, NZ, set. 2021).



(informações retiradas do portfólio do artista)