Maria Eugênia Baptista.jpg

MARIA EUGÊNIA BAPTISTA, Rio de Janeiro

Pintura

Maria Eugênia Baptista dedica-se ao ofício da arte, do desenho, da pintura,  escultura e instalação. Descobriu-se artista muito jovem, e buscou ferramentas e caminhos para construir a sua arte. Sua conduta artística é marcada pela seriedade e pela reflexão sobre o seu processo criativo, que tem como ponto de partida os registros individuais e coletivos.
Nascida no Rio de Janeiro-RJ, viveu sua infância em contato com o Pantanal.  Com 18 anos, participa de intercâmbio Cultural Brasil – Estados Unidos. Bacharel em artes Visuais pela PUC (1989). Em 2006, representa o Brasil, como artista revelação, no III Festival da América do Sul em Corumbá-MS. A partir de 2009 frequenta a Escola de Artes Visuais do Parque Lage – Rio de Janeiro e em 2012 o grupo de estudo com Daniela Labra e 2013 a 2015 com Ivair Reinaldim. Em 2014, elabora e coordena na fábrica Bhering, o projeto “Em Torno da Fábrica”, contemplado com o Prêmio Porto Maravilha Cultural. Em março de 2014, realiza a 1ª e 2ª edição da Ação Poética “Humanos", no MAR – Museu de Arte do Rio. De 2011 a 2018 abre seu atelier, para visitação, na Fábrica Bhering (durante a ART RIO). Em maio de 2014, é premiada no 2º Salão de Outono da América Latina no Memorial da América Latina em São Paulo com a Instalação Registros do Cotidiano. 
Em 2019, realiza exposição individual no Centro Cultural Correios do Rio de Janeiro, com Curadoria de Carlos Bertão e expografia do Alê Teixeira.
Em 2020/2021,  participa  do 1° Salão de Artes Visuais Galeria Ibeu Online, com a instalação "Memórias de Encontros" (da série HuManos).
Atualmente, trabalha em seu ateliê na Fábrica Bhering.

(Texto extraído do portfólio da artista)

 

Observação da organização:

Os trabalhos expostos na exposição virtual, podem sofrer alterações de tamanho para não ficarem prejudicados a visualização pela web.