EM CHAMAS

Aberto Pereira
Cibelle Arcanjo
Jeferson Medeiros

Fuad Hajjat

Ricardo Pimenta

provocação

Vilmar Madruga

Incendiários

 

A vida segue morna

e ao bater a porta

tem-se a sensação

de se estar passando

um cheque.

mas neste rendilhado

de burocracias

que é o dia

é que moram

os pavilhões do crime.

um instinto de pira

– esta paixão incontrolável pelo fogo

conjugada ao tédio –

dá-nos de bandeja o cro-magnon

e um fósforo.

todas as pessoas que conheço

querem

ou vão querer

ser

incendiárias é o refrão mais bem achado

desta geração

que se perdeu

de propósito

 

ou que se encontrou

por acaso

há hora do recreio

com os cachos cortados

e uma tesoura

trêmula

nas mãos.

 

Marcelo Reis de Mello

A mostra Em chamas traz para a Galeria Reserva Cultural a partir do próximo dia 8, um pequeno recorte da cena contemporânea urbana e periférica de Niterói e São Gonçalo. Com apoio da Eixo Contemporânea, cinco artistas agregam em suas produções um sentido de resistência politica e de reflexão, relacionando arte, cultura e poder. Participam da experiência os artistas Alberto Pereira, Cibelle Arcanjo, Fuad Hajjat, Jefferson Medeiros e Ricardo Pimenta. Para Vilmar Madruga, coordenador da Galeria e provocador da mostra, todos eles apresentam práticas artísticas agulhadas pelo social e atravessadas por forte tensão provocadas pelo atual momento em que vivemos. O poema Incendiários, de Marcelo Reis de Mello comparece apresentando a mostra:

 

GALERIA RESERVA CULTURAL

Av. Visconde do Rio Branco, 880 - São Domingos - Niterói 

Visitação somente por agendamento

Quartas, sábados e domingos 15 horas às 19 horas.

WhatsApp: (21)99996-3508 ou (21)97363-5650 

Coordenação Vilmar Madruga 
Apoio EIXO Arte Contemporanea